Ganso treta

Novas Postagens

7 sites para ganhar dinheiro com downloads

Nenhum comentário
Que tal ganhar dinheiro com downloads? Se tem site, blog, perfil ou página com muitos seguidores em redes sociais, podem ser fonte de ganhos.
Oportunidades não faltam para compartilhar arquivos. Fotos, imagens, músicas, vídeos, softwares, documentos se transformam em interessantes atrativos.
Com difusão e propagação rápida pela internet, seu esforço pode ser sobremodo recompensado. Sim, porque não tentar mais uma chance de renda extra?
ganhar dinheiro com downloads
É neste momento, que bons serviços online para ganhar dinheiro com downloads podem ser muito úteis. Assim, diversifica as possibilidades de obter dinheiro online.

Ganhar dinheiro com downloads

Dinâmicos e com possibilidades extras, oferecem servidores que atendem diferentes tipos de tráfego. Muitos contam com criptografia adicional, garantindo mais privacidade e segurança.
Confira 7 sites para ganhar dinheiro com downloads:

1. Uploads

Ganhe até US$ 27 por 1000 downloads com tráfego de diferentes continentes. Site completo com várias funcionalidades, que incluem integração com outros serviços para hospedagem de arquivos.
Banda ilimitada para enviar arquivos de seu desktop ou utilizando urls. Para receber pagamento basta atingir o valor mínimo de US$ 10. Requisite por Paypal, Bitcoins, Webmoney ou Payza.
Aproveite para ganhar dinheiro com downloads, cadastre-se gratuitamente agora.

2. FileMoney

Maximize seus ganhos com até US$ 45 por cada 1000 downloads. Uma interessante alternativa para diferentes tipos de tráfego.
Oferece diversas ferramentas para proporcionar um download mais rápido. Caso deseje, pode colocar até uma senha para os arquivos.
Se utilizar uma estratégia com tráfego indireto de redes sociais e ferramentas como WhatsApp, pode obter excelentes rendimentos. Para receber, basta acumular US$ 10 para solicitar pagamento via Paypal ou Webmoney.
Registre-se e tenha aprovação imediata através do hotsite.

3. Hulkload

Obtenha até US$ 4 para cada 1000 arquivos baixados, com opções de ganhos para qualquer país. A interface descomplicada permite enviar até 3 arquivos por vez.
Indicando novos usuários pode ganhar 10% dos rendimentos que o mesmo alcançar. O pagamento mínimo é de apenas US$ 5 e pode ser requisitado através do PayPal, Payza ou WebMoney.
Aproveite a chance para começar a utilizar e enviar os primeiros arquivos.

4. Media1Fire

Ganhe até US$ 3 por cada 1000 downloads efetuados por seus arquivos. Estes podem ter a partir de 1 byte. Bom para diferentes propostas de conteúdo, especialmente textos e ebooks.
Se tiver mais visitas de países como Estados Unidos, Canadá, Alemanha, África do Sul, França e Espanha, poderá ter boas perspectivas de ganhos.
Confira como ganhar dinheiro com downloads e outras informações através da página.

5. FileFactory

Receba até US$ 40 por cada 1000 downloads, de acordo com o público alvo e tamanho de seu arquivo. Oferece múltiplas possibilidades para obter dinheiro com públicos segmentados.
Envie fotos, arquivos de áudio para streaming e vídeos para download. Uma outra alternativa é vender contas premium com até 90% de comissão.
É de fato um atrativo serviço para levar em conta. Cadastre-se diretamente no hotsite.

6. Ziddu

Seja remunerado pelo download de seus arquivos e outras atividades. Entre as opções estão jogar games, baixar aplicativos e até indicando amigos.
Oferece servidor escalável para upar quantos arquivos desejar. Conta com aplicativos para dispositivos móveis, que facilitam a tarefa para enviar fotos, por exemplo.
Ao contrários de outros sites, este não paga diretamente em dinheiro. Tudo o que acumula a partir de US$ pode ser trocado por BitCoin.
Ficou interessado? Aproveite para se registrar agora.

7. Upload Cash

Ganhe até US$ 4 por 1000 downloads efetuados. Cada conta tem direito a 300 GB de armazenamento, com limite de até 2 GB por arquivo enviado. Arquivos inativos são removidos em 120 dias.
Além da interface web, é possível fazer upload remoto, utilizando outras possibilidades. A cada US$ 20 acumulados já pode pedir pagamento via Paypal.
Não perca a chance de ganhar dinheiro com downloads! Cadastre-se gratuitamente através do site.

Uma dica adicional…

Para quem deseja ganhar um pouco mais, pode combinar o uso com encurtadores de urls como o Linkbucks.
Convertendo os links, é possível ganhar não apenas com os downloads, mas também com os acessos aos links.
Agora que você já conhece alguns serviços online é só começar. Boa sorte!
*Artigo atualizado em 08/01/2016.

₢omo ganhar dinheiro de graça no pay pal com fronto, tudo que você prcecisa saber ;)

Nenhum comentário

App Fronto Como Funciona?

    Fronto é um App de desbloqueio de tela para SmartPhones, cada vez que você desbloquear a tela, você vera uma imagem de um anuncio, com isso você ganhará pontos.O legal é que você não precisa fazer praticamente nada para ganhar os pontos, é so desbloquear a telado Celular mesmo( isso eu já faço toda hora) e também o pagamento minimo é de apenas $1 Dólar, que é um valor muito fácil de atingir.
    
Então Vamos aos Detalhes:

Como Ganho Pontos no App Fronto?
     Desbloqueando a tela de seu SmartPhone, Convidando Amigos e Entrando em sua conta todos os dias. Veja na foto abaixo os pontos que você ganha todos os dias por apenas logar no App.

Como o App Fronto nos Paga?
       Os pagamentos são feitos por Paypal ou vale-compras Submarino, Americanas ou Zattine. Veja nas fotos abaixo as pontuações e os valores dos Prêmios.


Siga os Passos Abaixo Para Você Ganhar Seus Primeiro 1250 Pontos:
     Colocando o nosso código de patrocinador ( money0800) eu e você iremos ganhar 1250 pontos. Segue abaixo os passos para colocar o código
1- Baixe, Instale e se Cadastre no Fronto
2- Depois de se cadastrar, vá no canto superior direito da tela e clique nas configurações,(desenho de uma ferramenta) Veja a foto abaixo:
3- Depois clique em "Enter Referral Código"
 4- Para finalizar coloque o nosso código de patrocinador money0800 isso irá garantir 1250 pontos logo de cara!                                              
5- Pronto, seus 1250 pontos irão cair na hora em sua conta. Veja a Foto abaixo

Juiz manda soltar homens acusados de roubar melancia

Nenhum comentário
Duas melancias. Dois homens que roubaram as frutas. Um promotor, uma prisão. E vários motivos encontrados pelo juiz Rafael Gonçalves de Paula da 3ª Vara Criminal da Comarca de Palmas, no Tocantins, para mandar soltar os indiciados.
“Poderia sustentar que duas melancias não enriquecem nem empobrecem ninguém; poderia aproveitar para fazer um discurso contra a situação econômica brasileira, que mantém 95% da população sobrevivendo com o mínimo necessário”, argumenta o juiz.
Outras razões também são usadas pelo juiz, que ao final da sentença decide pela liberdade dos acusados “em total desprezo às normas técnicas: não vou apontar nenhum desses fundamentos como razão de decidir”. (com informações do Espaço Vital)
Leia decisão na íntegra
Decisão proferida pelo juiz Rafael Gonçalves de Paula nos autos nº 124/03 - 3ª Vara Criminal da Comarca de Palmas/TO:
DECISÃO
Trata-se de auto de prisão em flagrante de Saul Rodrigues Rocha e Hagamenon Rodrigues Rocha, que foram detidos em virtude do suposto furto de duas (2) melancias. Instado a se manifestar, o Sr. Promotor de Justiça opinou pela manutenção dos indiciados na prisão.
Para conceder a liberdade aos indiciados, eu poderia invocar inúmeros fundamentos: os ensinamentos de Jesus Cristo, Buda e Ghandi, o Direito Natural, o princípio da insignificância ou bagatela, o princípio da intervenção mínima, os princípios do chamado Direito alternativo, o furto famélico, a injustiça da prisão de um lavrador e de um auxiliar de serviços gerais em contraposição à liberdade dos engravatados que sonegam milhões dos cofres públicos, o risco de se colocar os indiciados na Universidade do Crime (o sistema penitenciário nacional).
Poderia sustentar que duas melancias não enriquecem nem empobrecem ninguém.
Poderia aproveitar para fazer um discurso contra a situação econômica brasileira, que mantém 95% da população sobrevivendo com o mínimo necessário.
Poderia brandir minha ira contra os neo-liberais, o consenso de
Washington, a cartilha demagógica da esquerda, a utopia do socialismo, a colonização européia.
Poderia dizer que George Bush joga bilhões de dólares em bombas na cabeça dos iraquianos, enquanto bilhões de seres humanos passam fome pela Terra - e aí, cadê a Justiça nesse mundo?
Poderia mesmo admitir minha mediocridade por não saber argumentar diante de tamanha obviedade.
Tantas são as possibilidades que ousarei agir em total desprezo às normas técnicas: não vou apontar nenhum desses fundamentos como razão de decidir.
Simplesmente mandarei soltar os indiciados.
Quem quiser que escolha o motivo.
Expeçam-se os alvarás. Intimem-se
Palmas - TO, 05 de setembro de 2003.
Rafael Gonçalves de Paula
Juiz de Direito

Parmalat e Líder anunciam recall de 300 mil caixas de leite com formol

Nenhum comentário
Parmalat e Lder anunciam recall de 300 mil caixas de leite com formol
Fonte da foto: sananduvaonline. Com. Br
A fabricante dos leites Parmalat e Líder UHT integral está convocando recall de mais de 300 mil caixas de leite, de acordo com a Secretaria Nacional do Consumidor, vinculada ao Ministério da Justiça. Foi encontrado formol no leite. A empresa LBR, que produz as duas marcas, informou que iniciou campanha para quem comprou o produto, para substituição ou devolução do dinheiro. As caixas foram fabricadas entre 13 e 14 de fevereiro. De acordo com as empresas, a campanha de chamamento abrange 101.220 produtos Parmalat, com numeração de lote, não seqüencial, L11D00S1 a L11F23S1. Já os produtos Líder abrangem 199.800 caixas, com numeração de lote compreendida entre os intervalos A LOB 11, B LOB 9, C LOB 17, D LOB 04, A LOB 12, B LOB 19, C LOB 18 e D LOB 14.
Mais informações podem ser obtidas junto à empresa, por meio do telefone 0800 011 2222, de segunda a sexta-feira, das 08h às 18h, ou pelo e-mail sac@lbr-lacteos.com.br.
Cerca de 300 mil litros de leite com a substância cancerígena formol — para mascarar a diluição da matéria-prima com água — foram processados pelas marcas Parmalat e Líder, da LBR, entre os dias 13 e 14 de fevereiro e vendidos no Paraná e em São Paulo, segundo o Ministério da Agricultura (Mapa) e o Ministério Público do Rio Grande do Sul (MP). Em começo de fevereiro, o MP recebeu documentação do Mapa de que 12 amostras de leite cru, coletadas no posto de resfriamento do Laticínios O Rei do Sul, em Condor, continham formol. As amostras foram recolhidas nos caminhões das transportadoras que chegaram ao posto, no silo de armazenamento e no produto já acondicionado para distribuição. Segundo o Mapa, parte deste leite foi entregue à LBR, de Tapejara, que o enviou 100 mil litros para Guaratinguetá (SP) e 199 mil litros para Lobato (PR). O leite adulterado enviado para São Paulo foi embalado com a marca Parmalat e o enviado para o Paraná, com a marca Líder. Outros 102 mil litros contaminados estavam sendo processados em uma indústria de Penápolis, mas não chegou a ser vendido.
A LBR informou em nota, na época, que soube em 25 de fevereiro da possível contaminação na matéria-prima de um fornecedor e que, em seguida, decidiu recolher os lotes do mercado. De acordo com a empresa, não há mais nenhum desses produtos no mercado. O Ministério da Agricultura explicou que em 24 de fevereiro determinou o recall dos produtos fabricados com o leite cru fraudado. Além disso, afirmou ainda que a divulgação do recall em veículo de comunicação não foi realizada devido a um recurso judicial da LBR para análise do produto final.

Algumas imagens

Nenhum comentário













Decotes

Nenhum comentário
Postagens mais antigas Página inicial